O lavador de gases é um equipamento utilizado amplamente por indústrias de diversos segmentos. Sua responsabilidade é a de controlar a poluição do ar, removendo material articulado de um fluxo de gás. Mas como, afinal, ele consegue fazer isso?

 

Por meio da colisão dessas partículas com gotas de um meio de lavagem (geralmente água), o lavador de gases retém esses detritos. Umidificados, eles podem, então, ser removidos de forma mecânica – algo bastante simples.

 

Como funciona um lavador de gases?

 

O lavador de gases promove a interação entre as partículas e as gotas de água. Para isso, necessita de energia para nebulizar o meio de lavagem e melhorar a mistura com sprays de alta pressão.

 

Em grande parte dos lavadores de gases, o orifício é formado por uma passagem anular entre a garganta e o disco. Então, o meio de lavagem é injetado pelo centro do disco em uma razão pré-ajustada. Depois, ela é atomizada pela alta velocidade entre o fluxo de gás e o meio de lavagem.

 

 

Como trabalha o lavador de gases ciclônico?

 

Esse tipo de lavador de gases utiliza o mesmo princípio do ciclone, mas com injeção de água. Assim, há menos rebatimento de partículas na parede do equipamento, facilitando sua remoção.

 

Fabricados no esquema de torres, os lavadores ciclônicos têm elevada eficiência (98 a 99%) para partículas maiores que 1 mícron, com a perda de carga de 1.000 N/m2  e consumo de água de 0,67 a 0,8 dm3/m3 de gás.

 

 

Conheça os tipos de lavador de gases e invista no melhor com a Ventitec

 

Somos uma empresa com décadas de experiência na confecção e manutenção de lavadores de gases. Independentemente da sua necessidade, temos a solução. Fale com nossos especialistas e veja como investir no melhor lavador de gases do mercado, evitando danos ao meio ambiente e protegendo o seu negócio.